Citros

Safrinha de tahiti tem início; preços já registram queda

Oferta de lima ácida tahiti voltou a aumentar no estado de São Paulo, devido à colheita de frutos provenientes de uma segunda safra
Por:
509 acessos

A oferta de lima ácida tahiti voltou a aumentar no estado de São Paulo, devido à colheita de frutos provenientes de uma segunda safra, que tem elevado o volume no mercado de mesa. Segundo agentes consultados pelo Cepea, o clima úmido nos primeiros meses do ano ajudou o desenvolvimento desta safrinha, porém, a oferta não deve superar a observada no primeiro bimestre.

A previsão de colaboradores do Cepea é de que a intensificação da colheita desta safrinha ocorra somente em abril, uma vez que o estágio de maturação das frutas ainda permite sua permanência nos pés. Assim, produtores têm limitado a colheita para evitar quedas significativas dos preços. Nesta semana, a maior oferta já pressionou os valores. Na média parcial (de 19 a 22 de março), a tahiti é negociada a R$ 13,74/cx de 27 kg, colhida, baixa de 2,7% em relação ao período anterior.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink