Seagri fortalece pecuária de leite em Palmeira dos Índios
CI
Agronegócio

Seagri fortalece pecuária de leite em Palmeira dos Índios

Por:
Produtores de leite da comunidade Olho D’Água do Bonifácio, zona rural de Palmeira dos Índios, receberam um botijão com 90 doses de sêmen de touros de alto valor genético e um kit de inseminação artificial, por meio de uma permissão de uso, na segunda-feira (8), na Secretaria de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário (Seagri). A ação faz parte do Programa Alagoas Mais Leite, um dos projetos da Seagri no Alagoas Tem Pressa.


O objetivo é melhorar o rebanho dos pequenos agricultores para, com isso, aumentar a produção de leite. “Dessa forma, conseguimos fortalecer a atividade, que á base da geração de renda das famílias. Outras ações do Alagoas Mais Leite estão em curso, como o repasse de tanques de resfriamento de leite, capacitação em ordenha manual higiênica com repasse de materiais e repasse de máquinas forrageiras”, citou o superintendente de Desenvolvimento Agropecuário, Hibernon Cavalcante.


De acordo com o gestor do programa, Renato Carvalho, os produtores poderão solicitar a reposição das doses de sêmen do botijão, quando elas estiverem acabando. “São materiais genéticos de touros das raças holandesa e gir leiteiro, ideais para cruzamento com as vacas criadas em Alagoas para produção de leite”, frisou.


Na comunidade Olho D’Água do Bonifácio, conforme explicou o produtor José Luiz da Costa, as vacas são, em sua maioria, mestiças da raça holandesa. Segundo ele, a produção de leite vai principalmente para as fabriquetas locais.

Paulo Jacinto – Também nesta segunda-feira, a Seagri repassou um botijão de sêmen e um kit de inseminação artificial para criadores da Associação de Produtores Rurais de Paulo Jacinto, na região do Vale do Paraíba.

Ainda de acordo com o gestor Renato Carvalho, até agora a Seagri já repassou 40 botijões com kits de inseminação. A meta do programa, até o final deste mês, é repassar 50 unidades, beneficiando, assim, 50 comunidades rurais.

Fonte: Ascom/Seagri

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.