Soja, açúcar e carnes sustentam a receita das exportações
CI
Agronegócio

Soja, açúcar e carnes sustentam a receita das exportações

Queda do preço do café afetou resultado
Por:
Queda do preço do café afetou resultado

As exportações do agronegócio de Minas Gerais, ao longo do primeiro quadrimestre, somaram US$ 2,327 bilhões, o que representou um declínio de 2,02% frente a igual período do ano passado. Apesar da retração, o resultado já demonstra a recuperação dos embarques, uma vez que entre janeiro e março de 2013 a queda no faturamento era superior, chegando a 13,38%. A recuperação das negociações de soja e açúcar ajudou a reduzir o impacto provocado pela queda registrada no café.


Conforme o superintendente de Política e Economia Agrícola da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), João Ricardo Albanez, a expectativa é que ao longo dos próximos meses ocorra recuperação das exportações. "O que percebemos é que os resultados do comércio exterior do agronegócio mineiro estão se recuperando, isso devido ao bom desempenho dos embarques de soja, açúcar e do grupo das carnes. Essa movimentação é importante e mostra como é fundamental diversificar a pauta exportadora".

De acordo com a Seapa, no primeiro quadrimestre foram destinados ao exterior cerca de 1,94 milhão de toneladas de produtos oriundo do agronegócio do Estado. O volume ficou 28,89% superior a 1,5 milhão de toneladas embarcadas em igual intervalo de 2012.

Entre os produtos exportados, o café, que é o principal iten da pauta do agronegócio do Estado, encerrou os primeiros quatro meses do ano com recuo de 20,18% no faturamento, contabilizando R$ 1,12 bilhão, e incremento de 16,22% em volume, totalizando 351,6 mil toneladas enviadas ao mercado internacional. O produto respondeu por 48,2% das exportações totais do agronegócio mineiro.


Carnes - No grupo das carnes, os principais itens apresentaram incremento. As exportações de frango, de acordo com a Seapa, totalizaram em faturamento US$ 131 milhões, alta de 27,46%, frente aos US$ 103,2 milhões registrados em igual período anterior. O volume destinado ao mercado internacional, 60,1 mil toneladas, teve incremento de 10,18%.

Os embarques de carne bovina também ficaram maiores, encerrando o primeiro quadrimestre com avanço de 37,15% no faturamento, que alcançou US$ 133,4 milhões. O volume, 30,2 mil toneladas, foi ampliado em 46,86%, quando comparado com as 20,6 mil toneladas exportadas nos primeiros quatro meses de 2012.

A evolução, porém em níveis menores, também foi observada nas negociações de carne suína. De acordo com a Seapa, foram exportadas entre janeiro e abril de 2013 13,6 mil toneladas, alta de 4,21%. O faturamento aumentou 4,43%, encerrando o período em US$ 39,3 milhões, frente aos US$ 37,6 milhões movimentados em igual intervalo anterior.á


Sucroalcooleiro - As exportações do complexo sucroalcooleiro - açúcar e etanol - no período de janeiro a abril de 2013 somaram US$ 264,6 milhões, as vendas do segmento foram 37,19% superiores às do primeiro quadrimestre de 2012. O açúcar registrou faturamento de US$ 252 milhões, aumento de 42,5%. Os embarques do produto somaram 540,5 mil toneladas, crescimento de 76,8% frente aos resultados obtidos em igual período do ano passado.

"A expectativa de redução da produção de açúcar na Índia, que é o segundo maior produtor mundial atrás apenas do Brasil, fez com que o país importasse o açúcar de Minas Gerais, contribuindo para a evolução dos resultados", ressalta Albanez. A produção brasileira de açúcar responde por 22% do volume mundial, enquanto a da Índia representa 15%.

No complexo da soja as exportações do grão somaram R$ 260,3 milhões, crescimento de 63,4%. O volume embarcado cresceu 55,9%, totalizando 482,7 mil toneladas. "O aumento do volume de soja em grão exportado tem como justificativa a retomada das negociações com a China e com a Holanda, mercados promissores para os produtos mineiros", enfatiza Albanez.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.