ANÁLISE AGROLINK

Soja abre a semana recuperando preço

Suporte veio da estiagem nas maiores regiões produtoras de Argentina
Por: -Leonardo Gottems
356 acessos

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou na segunda-feira (29.01) alta de 6,00 centavos de Dólar no contrato de Março/18 (referência para o Brasil), fechando em US$ 9,915 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com valorizações entre 5,50 e 6,00 pontos.

O mercado norte-americano da soja registrou reverteu as perdas do fechamento da semana passada e registrou uma sessão de ganhos nos principais contratos futuros. Mais uma vez, o suporte para a oleaginosa veio da estiagem nas maiores regiões produtoras de Argentina, que devem prosseguir por, no mínimo, os próximos dez dias.

É o que confirma a Consultoria AgResource, segundo a qual o Mercado voltou a operar em alta com a intensificação da seca no país vizinho: “Os mapas climáticos atualizados durante o fim de semana trouxeram a confirmação de um padrão bastante árido se estabelecendo sobre toda a Argentina e o Sul do Brasil, nos próximos 15 dias”. 

“O volume de operações volta a aquecer, deixando o Mercado mais volátil. Além do mais, este movimento especulativo é impulsionado pela grande quantidade de contratos vendidos que fundos de investimento possuem na soja. Qualquer potencial redução da oferta mundial da ole- aginosa poderia disparar a reversão destes contratos”, acrescenta a ARC. 

Por outro lado, os analistas apontam que uma nova história sobre a demanda mundial deve ser presente nos bastidores do Mercado, para que esta tendência de novas altas continue com forte
sustento. A ARC continua estimando a safra de soja na Argentina em 52 MT, no entanto a falta de chuvas em fevereiro, que poderiam reverter este cenário, deve pressionar as atuais estimativas para números abaixo dos 50 MT. Ainda é necessário confirmações do atual padrão climático. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink