Soja fecha janeiro com queda de 2,92%

MERCADO BRASIL

Soja fecha janeiro com queda de 2,92%

A nova alta de 0,63% do Dólar foi suplantada pela queda mais forte na CBOT
Por: -Leonardo Gottems
496 acessos

Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da USP), os preços da soja no mercado físico brasileiro fecharam a sexta-feira (31.01) com preços médios da soja nos portos do Brasil sobre rodas para exportação caindo 0,49%, para R$ 85,33/saca (contra 85,75/saca do dia anterior). Isso aumentou as perdas do mês para 2,92%, contra 2,45% do dia anterior.

“A nova alta de 0,63% do Dólar foi suplantada pela queda (mais forte ainda) de 0,42% nas cotações da Bolsa de Chicago e pela ausência da China no mercado de Origem no Brasil (que comprou soja brasileira apenas no mercado CIF). Com isto, os preços médios da soja voltaram a cair nos portos do sul do país ou seus equivalentes nas demais regiões”, apontam os analistas da T&F Consultoria Agroeconômica.

No interior a queda foi de 0,95%, para a média de R$ 80,36/saca (contra R$ 81,17/saca do dia anterior). Isso acabou aumentando as perdas do mês para 2,95%, contra 2,02% do dia anterior, de acordo com os preços medidos pelo Cepea.

No Rio Grande do Sul os preços caíram mais cinquenta mais um real e centavos/saca para R$ 85,00 em Rio Grande, a mesma queda em Cruz Alta, para R$ 82,00 em Cruz Alta, queda de um Real para R$ 82,00 em Passo Fundo, e de um Real para 81,50 em Ijuí. No Paraná os preços permaneceram inalterados: o preço pago aos produtores continuou R$ 79,00/saca na região de Ponta Grossa. 

No mercado de lotes, disponível também continuou em R$ 83,00/saca, para fevereiro, mesmo preço para abril. Já o preço pago no porto, subiu para R$ 86,00, pagamento no final de fevereiro. Na região Oeste do estado R$ 82,00 e no Norte do estado ao redor de R$ 80,00, com retirada em fevereiro; para 2021 preços a R$ 88,00 com entrega em março e pagamento no final de abril.

CHINA 

Apesar dos feriados de Ano Novo Lunar no país asiático, a China comprou na sexta-feira mais dois cargos (120.000 toneladas) de soja brasileira CIF portos chineses para Março e Abril de 2020. Mesmo assim, os prêmios da soja nos portos brasileiros de Origem sofreram alterações: permaneceram inalterados para março, caíram 5 cents para abril, 1 para maio e 2 cents para junho e para julho de 2020, permanecendo inalterados para março, abril e maio de 2021.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink