Suinocultores do RS estão insatisfeitos com preços na indústria
CI
Agronegócio

Suinocultores do RS estão insatisfeitos com preços na indústria

Na região de Erechim (RS), o quilo do suíno integrado está cotado a R$ 1,60/kg
Por:

Muito embora o setor da suinocultura gaúcha esteja passando por um período de baixa remuneração, na região de Erechim (RS) a atividade permanece sem grandes alterações. É normal o alojamento de matrizes e animais para terminação, bem como o fornecimento de animais para o abate.

Os técnicos concluem que, apesar dos produtores não estarem satisfeitos com os preços recebidos pelo kg do suíno vivo, o retorno econômico obtido com a atividade continua sendo razoável, fato que tem estimulado os produtores a permanecerem no ramo.

Na região, o quilo do suíno integrado está cotado a R$ 1,60/kg, acrescido de um bônus pela tipificação da carcaça. As agroindústrias, sem sistema de integração, estão pagando pelo suíno em torno de R$ 1,95/kg. As informações são da assessoria de imprensa da Emater/RS.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink