TecnoCampo começa hoje em Rondonópolis (MT)
CI
Agronegócio

TecnoCampo começa hoje em Rondonópolis (MT)

O encontro visa demonstrar as novas tecnologias que beneficiarão o produtor na próxima safra
Por:

Foi dada a largada para a última etapa do TecnoCampo 2007, evento que começou em Sinop (MT) no mês de janeiro e encerra os trabalhos em Rondonópolis. Nesta sexta e sábado (31-03) os produtores rurais da região acompanharão palestras e estudos de caso na Fazenda SM II, localizada no km 94 da BR-163.

Realizado pela Fundação de Apoio à Pesquisa Agropecuária de Mato Grosso (Fundação MT), em parceria com a Associação dos Produtores de Soja do Estado (Aprosoja), o encontro visa demonstrar as novas tecnologias que beneficiarão o produtor na próxima safra.

Além disso, a feira visa promover a interação entre todos os participantes da cadeia produtiva. Este ano, o TecnoCampo será a única opção de demonstração de tecnologia na cidade, devido a não realização da Agrishow Cerrado, que tradicionalmente acontecia no mês de abril, em Rondonópolis. As atividades na Fazenda SM II acontecerão nesta sexta-feira, das 7h30 às 17h30. Nessa quinta-feira, durante todo o dia, cerca de 40 pessoas trabalharam na preparação e adequação do local para o evento.

O encontro, que está sendo preparado há cinco meses, envolveu a participação de três Estados brasileiros: Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. A expectativa dos organizadores é reunir cerca de 1,5 mil pessoas nos dois dias de evento, número que segue a média das etapas anteriores. Nesta edição, estão expostas oito variedades de soja transgênica e cinco amostras de cultivares de algodão. Ainda não foi confirmada, por problemas no transporte, a exposição de uma cultivar de soja resistente à ferrugem asiática, batizada de Inox.

Durante a feira, os trabalhos vão acontecer em três pontos distintos da Fazenda SM II. Na célula de convivência, que abriga 13 representantes de empresas ligadas ao agronegócio dos mais variados setores, haverá palestras. O espaço será utilizado como ponto de convergência entre os participantes e as empresas expositoras. O público também poderá interagir com palestrantes de renome nacional e internacional.

Além de produtores e empresários, é aguardada a presença de alunos e professores ligados ao agronegócio de toda a Região Sul de Mato Grosso. Na célula de estudo de caso, foram montadas tendas para a exposição de temas relacionados às culturas locais. Palestras práticas, transmitidas com linguagem simples, possibilitarão a discussão do assunto entre os visitantes. O espaço conta também com uma célula de máquinas, local destinado às novidades em máquinas e equipamentos agrícolas.

Duas máquinas de pulverização serão utilizadas para demonstrações em campo durante o encontro. Outras três unidades ficarão estáticas para apreciação do público. O encontro técnico, que já passou por quatro cidades do Estado e mobilizou mais de 60 toneladas de equipamentos, encerra os trabalhos amanhã no Município. Para comodidade do público foi contratado um serviço de buffet na cidade que vai servir refeições durante os dois dias do evento. O valor da refeição é de R$ 17 por pessoa.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink