União reconhece emergência no MS
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,090 (1,09%)
| Dólar (compra) R$ 5,61 (0,09%)

Imagem: Diário Corumbaense

QUEIMADAS

União reconhece emergência no MS

Queimadas avançam pelo Pantanal. Corumbá é o município mais afetado
Por: -Eliza Maliszewski
167 acessos

O tempo seco aliado com a baixa umidade faz os focos de incêndio crescerem no Mato Grosso do Sul. Depois que o estado decretou situação de emergência ambiental por 180 dias, foi a vez da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, órgão do Ministério do Desenvolvimento Regional, reconhecer a situação por meio de decreto publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira (6).

O objetivo é reduzir a burocracia no processo de reconhecimento e assegurar o apoio complementar do governo federal em situações emergenciais. Os municípios mais afetados são Corumbá e Ladário. 

De acordo com Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Corumbá totaliza 3.179 focos de queimadas ao longo de todo este ano. O município segue liderando o ranking nacional de focos de incêndios florestais em 2020. Somente em agosto, até o dia 05, foram 444 focos. 

O Pantanal já ultrapassa 5 mil focos. Essa é considerada a maior queimada das últimas duas décadas na maior área alagada do planeta.

As equipes federais trabalham em conjunto com o Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar Ambiental no combate aos focos. A pena para quem atear fogo, seja em área urbana ou rural, pode variar desde uma autuação simples, com multa de R$ 500,00 e pena de detenção de três meses até uma questão de poluição, que é mais grave, podendo a multa chegar a até 50 milhões de reais e reclusão de dois a quatro anos.
 

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink