Valor de produção tem alta significativa em MS, aponta Famasul
CI
Agronegócio

Valor de produção tem alta significativa em MS, aponta Famasul

O VBP do milho saiu de R$ 1,3 bi na safra 2010/11 para R$ 2,3 bi na safra 2011/12
Por:
A colheita expressiva de milho e a demanda da soja no mercado externo, ocasionado pela quebra da safra da oleaginosa nos Estados Unidos, estão entre os principais fatores que influenciaram o aumento de 72,9% do Valor Bruto da Produção (VBP) do milho e de 26,6% da soja em Mato Grosso do Sul. O VBP é a o valor final de um produto, resultado da multiplicação da produção pelo valor negociado do mesmo.

Os dados fazem parte do estudo técnico realizado pela Federação de Agricultura e Pecuária (Famasul). O VBP do milho no Estado saiu de R$ 1,3 bilhões na safra 2010/11 para R$ 2,3 bilhões na safra 2011/12. A produção saltou de 3,4 milhões de toneladas para 6,1 milhões de toneladas. O preço médio por saca de 60 quilos pago na safra passada foi de R$ 23,45 e atualmente o valor negociado é de R$ 22,49. “O aumento expressivo no VBP se dá principalmente em função do volume recorde nessa colheita”, explica a economista e assessora técnica da Famasul, Adriana Mascarenhas.

Em relação à soja, o VBP teve variação de 26,6%, saindo de R$ 3,6 bilhões na safra anterior para R$ 4,6 bilhões na safra desse ano. A produção do grão alcançou 4,6 milhões toneladas, 9,8% menor que as 5,1 milhões de toneladas colhidas na safra 2010/11. O valor negociado pela saca teve aumento significativo, partindo de R$ 42,80 para R$ 60,52. “No caso da soja, a alta do produto, impulsionada pela demanda aquecida no mercado externo, foi o que garantiu um VBP maior que no ano passado”, complementa Adriana.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink