Valor do portifólio de Proteção de Cultivos da BASF salta para €2,8 bi
CI
Agronegócio

Valor do portifólio de Proteção de Cultivos da BASF salta para €2,8 bi

Potencial de pico de vendas cresce €400 milhões
Por:
Fungicida inédito Xemium® nos principais mercados a partir de 2012
 
O valor do portifólio de produtos da divisão de Proteção de Cultivos da BASF aumentou em €400 milhões, totalizando €2,8 bilhões. O crescimento foi impulsionado principalmente pelo fungicida F 500® da empresa, que deve superar o pico de vendas de €1 bilhão. O novo fungicida Xemium®, outro sucesso da empresa, teve suas primeiras vendas registradas ao final de 2011 após receber seu registro nos principais mercados de cereais da Europa em tempo recorde. Xemium® está mantendo sua trajetória rumo ao pico de vendas estimado em mais de €200 milhões. Além disso, diversos projetos de pesquisa preliminares foram promovidos ao status de desenvolvimento, incluindo as primeiras soluções da recém-criada unidade para recursos destinados a cultivos e manejo de estresse – Functional Crop Care. Todas estas inovações serão lançadas até 2020.
 
“A BASF tem demonstrado sua capacidade de colocar à disposição do mercado uma forte linha de produtos sustentada em inovação. Em quatro anos, o valor da nossa linha de produtos passou de €1,8 bilhão para €2,8 bilhões,” diz Markus Heldt, Presidente da Divisão de Proteção de Cultivos da BASF. “Além do mais, em 2011, a BASF atingiu uma grande parte do potencial de pico de vendas de €1,6 bilhão com os ingredientes ativos lançados em 2002. Isto demonstra a forte competência da empresa para comercializar seus produtos com sucesso”, acrescenta Heldt. Em 2011, a empresa investiu de 9 a 10% de suas vendas de produtos para Proteção de Cultivos em pesquisa e desenvolvimento. O potencial total de vendas advindas de inovações lançadas na década atual chega a €1,2 bilhão.
 
Abreviaturas: F= fungicida, H= herbicida, I = inseticida, HT = tolerância a herbicidas1 O projeto Cultivance de tolerância a herbicidas também faz parte da linha de produtos biotecnológicos da BASF.
 
Alguns destaques:
 
Xemium®
 
Xemium®, o fungicida à base de carboxamida de próxima geração da BASF, deve gerar um potencial de pico de vendas superior a €200 milhões. O composto fortalecerá a posição de liderança da empresa no mercado de fungicida à base de carboxamida. Como pioneira nesta categoria de produto, a BASF desenvolveu o fungicida Xemium® para as principais culturas de campo e de especialidades em mais de 50 países. Com seu amplo espectro de patógenos controlados e notável distribuição dentro da planta, o Xemium® também será usado como um tratamento de sementes. O Xemium® foi submetido ao processo de registro mundialmente e brevemente beneficiará os agricultores em outros mercados nas Américas e na Ásia.
 
Kixor®
 
Já lançado na América do Norte e em outros inúmeros mercados na América Latina, o herbicida Kixor é sucesso de vendas da BASF. Altamente eficaz contra o difícil controle de plantas daninhas com folhas largas, o Kixor oferece proteção e maior produtividade em mais de 30 culturas, incluindo as lavouras dos principais cultivos. O lançamento bem-sucedido do Kixor decorre de seu notável desempenho em combater as plantas daninhas resistentes ao glifosato, ao ALS e à triazina. O Kixor está previsto para lançamento no mercado brasileiro no futuro próximo, que servirá também como sustentação ao potencial do pico de vendas mundial estimado em €200 milhões.
 
Sistemas Tolerantes a Herbicidas: Cultivance® e Dicamba
 
O Sistema de Produção Cultivance® está posicionado para se tornar a primeira cultura geneticamente modificada desenvolvida no Brasil a alcançar a etapa de comercialização. O sistema combina variedades de soja tolerantes a herbicidas, com herbicida de amplo espectro da BASF, da classe das imidazolinonas. Resultado de uma parceria formada entre a BASF e a EMBRAPA, instituto líder em pesquisas agrícolas do Brasil, o Sistema de Produção Cultivance® está previsto para lançamento no Brasil em 2013.
 
O avanço dos trabalhos de desenvolvimento e subsequente comercialização de um sistema agrícola tolerante ao dicamba, que inclui formulações à base de dicamba mais aprimoradas, é o foco do acordo global firmado entre a BASF e a Monsanto. Uma vez lançado no mercado, o sistema colocará à disposição dos agricultores outra ferramenta para combater plantas daninhas que privam os cultivos de uma maior produtividade, ampliando ainda mais a linha de alternativas atualmente disponível para o manejo dessas plantas nas lavouras de soja, algodão e milho. O sistema dever ser inicialmente introduzido no cultivo da soja nos EUA e no Canadá no meio desta década, aguardando apenas as aprovações das autoridades reguladoras.
 
Functional Crop Care – novo pilar estratégico
 
 A recém-criada unidade, Functional Crop Care, visa desenvolver métodos melhores para ajudar os agricultores a gerenciar seus recursos agrícolas e a reduzir o estresse de suas lavouras. A unidade é fruto do trabalho pioneiro da BASF na área de saúde vegetal e terá como foco inicial o desenvolvimento de produtos a partir de três segmentos: saúde vegetal, gerenciamento de água e controle de nitrogênio. As soluções inovadoras ajudarão os agricultores a, por exemplo, aumentar a utilização de nutrientes e de água nas lavouras, ou ainda a minimizar o estresse como estiagem ou calor. A BASF estima que as soluções inovadoras da nova unidade contribuam com resultados positivos até 2015.
 
AgCelence®
 
Com produtos que produzem melhorias na saúde vegetal, promovendo benefícios que vão além do controle de doenças, o portifólio AgCelence da BASF continua crescendo e chegando a outros mercados, incluindo os mercados da Ásia, da África do Sul e da Europa Oriental. Os produtos AgCelence são capazes de estimular a produtividade em até 10%, dependendo do cultivo. O motivo: melhor tolerância ao estresse atrelado a um maior desempenho no processo de crescimento e fortalecimento das plantas.
 
As inovações contendo o ingrediente ativo F 500® são a espinha dorsal do portifólio de produtos da família AgCelence. A BASF continuará a lançar produtos neste segmento de mercado lucrativo e a investir em pesquisas para desenvolver inovações em saúde vegetal. O potencial do pico de vendas do F 500® deve superar a marca de €1 bilhão.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.