Valtra comemora 20% de crescimento na 20ª Agrishow
CI
Agronegócio

Valtra comemora 20% de crescimento na 20ª Agrishow

10% acima do esperado
Por:
Terminada a 20ª edição da Agrishow, compilado os dados das negociações acompanhadas pelas 34 concessionárias presentes nos cinco dias de feira, e ter recebido por volta de 10 mil visitantes por dia no espaço com mais de 6mil mt², a Valtra comemora 20% de crescimento, mais do que o esperado para esta edição da feira. Durante a semana os visitantes conferiram de perto tratores, colheitadeiras, enfardadoras, pulverizadores, plantadeiras, tecnologia em Agricultura de Precisão, além do portfólio Santal, destinado ao cultivo da cana de açúcar.

O ótimo momento vivido pelo setor, o recorde da safra de grãos, o bom preço das commodities e a mecanização da produção tornou o mercado otimista e a aquisição de maquinário agrícola real. “Com as taxas do PSI beirando os 3% ao ano, garantimos ao produtor linhas de crédito até o final do ano, animando as compras”, disse Alexandre Vinícius de Assis, gerente de vendas da Valtra.

De acordo com Assis, a exposição do portfólio de equipamentos da Santal, marca recém-incorporada pela Valtra, destinada ao cultivo de cana de açúcar, umas das principais culturas da região, foi um dos destaques da feira. “Hoje existe a necessidade da renovação da frota e, como a colheita coincidiu com as atividades da Agrishow, ficamos satisfeitos com relação a comercialização dos produtos”, comemorou, lembrando que estavam presentes o grande lançamento Santal para a feira, a plantadora PDM2, que realiza todas as operações do plantio (abre sulco, aplica o adubo, distribui as mudas, aplica inseticida, fecha e compacta o sulco) em duas linhas simultaneamente, além das colhedoras de cana S5010e e S5010p, máquinas com excelente desempenho tanto na colheita industrial como de mudas, com condições de trabalhar em qualquer espaçamento de plantio (simples ou duplo).

Celebrando os 20 anos da parceria Valtra/Agrishow, a marca apresentou com exclusividade a Linha BH Geração III, totalmente nova, incluindo cabine, sistema hidráulico, design que, além de moderno e arrojado, melhora muito o raio de giro das máquinas. Os exclusivos modelos farão parte desta linha que chega para ampliar as opções de potência, entre eles, o trator BH 135i (137cv), com motor 4 cilindros turbo-intercooler, opção para o agricultor que necessita ter em sua propriedade máquinas para desempenhar as mais variadas funções e atividades. Também integram a família da Geração III os novos tratores BH200 (200cv) e o BH210i (210 cv). “Os modelo apresentados durante a feira estarão disponíveis ao mercado no segundo semestre deste ano”, disse o gerente. 

Para celebrar este lançamento, a ação de interação com o público deste ano teve como protagonistas os novos tratores desta linha. “Câmeras fotográficas distribuídas em uma estrutura de 180º, registraram em 25 ângulos diferentes a mesma cena. Os participantes usaram os novos tratores para compor cenário para o filme gerado pela ação. O objetivo principal é fortalecer nossa marca pela internet, associando tecnologia e inovação aos novos produtos”, explicou Aline Faber Hasse, marketing digital da Valtra, contabilizando cerca de 300 vídeos postados na página oficial da Valtra no Facebook.

Os visitantes também tiveram a oportunidade de conhecer em primeira mão o AutoGuide 3000, a mais recente e integrada solução designada para fornecer aos profissionais o melhor do mercado de piloto automático. Esta novidade possui terminal touch screen, o C3000, que facilita a utilização de todas as funções, tornando o trabalho ainda mais fácil. Ele trabalhará também com correção de sinal autônoma, decimétrica e, aliado à correção por RTK, poderá trabalhar com o conceito de tráfego controlado, diminuindo a compactação do solo, aumentando a produtividade, sem contar outros inúmeros benefícios do conceito.

Com o desenvolvimento da Agricultura de Precisão, a marca levou em primeira mão na feira a tecnologia taxa variável embarcada às plantadeiras, implemento agrícola que se tornou imprescindível, não apenas na correção de adubação, mas também na variação da população de sementes quando do plantio.

Quem passou pelo estande da marca teve a oportunidade de conhecer a Oficina Móvel. Uma solução encontrada para facilitar a manutenção de máquinas e implementos agrícolas dentro da propriedade. Assim como um implemento, a oficina  é acoplada à tomada de força do trator e levada para o campo. Já na linha de maquinário de alta potência estiveram expostos os tratores da Série S, com 293 e 353 cv, máquinas que colaboram com a ampliação da capacidade produtiva e sustentável das áreas agrícolas. 

Para a colheita a Valtra destacou aos visitantes o aumento da potência das colheitadeiras axiais classes VI e VII. Na nova versão Wi dos motores AGCO Power, a BC6500 passou de 305cv para 325cv, com reserva de até 355cv, e na BC7500, a potência passou de 355cv para 380cv, com reserva de até 410cv. A nova versão do motor introduz uma série de novas tecnologias: possui maior capacidade de injeção, atrito interno reduzido com novos anéis e maior capacidade de filtragem, trabalhandocom potências maiores nestes modelos, atendendo à demanda de maior produtividade do campo e garantindo ainda mais um desempenho superior das máquinas. A nova família de plataformas de corte flexível Hiflex Série 600F, que foi pensada para garantir aos agricultores maior eficiência, apresenta menos componentes móveis, trabalha nas mais variadas irregularidades do solo, oferecendo alta produtividade, mesmo em condições adversas. O projeto foi especialmente desenhado para proporcionar um processo de colheita rápido, com entrega suave e uniforme do produto colhido. 

As enfardadoras Challender LB34B, Challenger SB34, Challenger RB452 e o Enleirador 5130 também estavam no estande. São equipamentos que combinam robustez e alta capacidade de produção e que chegam para incrementar a linha de produtos para o segmento. O Brasil faz parte de um grupo mundial que concentra os maiores rebanhos do planeta. Utilizar pastagens e forragens na pecuária de corte ou de leite é uma grande vantagem econômica, e a fenação pode ser usada tanto para o trato animal, quanto para produção de biomassa com a finalidade de geração de energia em usinas.

Outro equipamento em exposição foi o Pulverizador BS 3020H, que alia tecnologia e robustez. Equipado com o novo terminal de controle de pulverização e navegação, possui tela táctil de 12.1” de fácil manejo pelo operador. O chassi flexível e a suspensão pneumática garantem melhor estabilidade e tração do equipamento durante todo o processo de pulverização, independente do tipo de topografia. Com vão livre opcional de 1,65m, permite pulverizações em estágios mais desenvolvidos da cultura evitando amassamentos. Esta máquina completou a linha de soluções Valtra para a atividade agrícola brasileira disponível na Agrishow 2013.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.