Pulgão da falsa crespeira (Anuraphis schwartzi)
CI

Pulgão da falsa crespeira

(Anuraphis schwartzi)

Culturas Afetadas: Pêssego

Trata-se de uma praga comumente encontrada no estado de São Paulo, é considerada uma das principais pragas da cultura do pêssego.

Danos: Os maiores prejuízos são causados quando o ataque ocorre no ponteiro dos ramos e nos frutos. Os danos nos ponteiros provocam murchamento e conseqüente secamento do local atacado. Os frutos atacados em período de crescimento tornam-se imprestáveis para a comercialização, pois os pulgões abrem galerias que favorecem a penetração de outras pragas, como o besouro da família Nitidulidae e o fungo causador da podridão-parda.

Os sintomas de ataque dessa praga são facilmente visíveis, pois os pulgões succionam as folhas e os brotos da planta que encarquilham e enrolam-se, de forma a abrigar o pulgão em seu interior. Vale ressaltar que esse sintoma recebe o nome de falsa crespeira, não devendo ser confundido com a verdadeira crespeira, que é causada por um outro fungo.

Além dos danos citados acima, no succionamento da seiva, os pulgões expelem um líquido adocicado que favorece a atração de formigas e a posterior ação da fumagina sobre a planta.

Controle: Existem vários inimigos naturais predominando parasitóides e predadores, que proporcionam bom controle do pulgam em pomares adultos. O controle químico é feito através de inseticidas sistêmicos no solo ou em pulverização.

Fotos



Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.