AGROLINK - O Portal do conteúdo Agropecuário. Confira: Noticias atualizadas, Previsão do tempo, cotações, sistemas especialistas de produtos agro, Colunistas, Classificados gerais.

Bula Natucontrol

Trichoderma harzianum
6619
Nufarm

Composição

Trichoderma harzianum 11,5 g/kg

Classificação

Fungicida microbiológico
III - Medianamente tóxico
IV - Produto pouco perigoso ao meio ambiente
Não inflamável
Não corrosivo
Pó molhável (WP)
Fungicida microbiológico

Todas as culturas com ocorrência do alvo biológico

Fusarium solani f. sp. phaseoli (Podridão radicular seca)
Rhizoctonia solani (Damping-off)
Sclerotinia sclerotiorum (Podridão de esclerotinia)

Tipo: Saco.
Material: Plástico aluminizado(polipropileno).
Capacidade: 400 g - 1 kg.

MODO/EQUIPAMENTO DE APLICAÇÃO:

NATUCONTROL deverá ser aplicado diluído em água em pulverização via terrestre com o auxílio de pulverizadores costais manuais ou motorizados, turbo atomizadores, pulverizadores tratorizados com barra ou autopropelido, além de pulverização via aérea na modalidade de aplicação foliar.


Pulverização via terrestre: Em todas as culturas deverão ser utilizados pulverizadores costais manuais ou motorizados, turbo atomizadores, pulverizadores tratorizados ou propelidos a CO2, equipados com barra de bicos com pontas em jato cônico tipo JA-4, séries D, XR 80.015 ou equivalente, com pressão de 14,5 a 60 lb./pol² (p.s.i.), velocidade 1 m/s e volume de calda entre 80 e 500 L/ha. Recomenda-se aplicar o produto nas horas mais frescas do dia e em solos levemente úmidos.

Pulverização via aérea: Recomendada em aplicação foliar na cultura da soja ou em culturas com a ocorrência do alvo biológico Mofo-branco (Sclerotinia sclerotiorum). O avião deverá ser equipado com barra com bicos para aeronaves de asa fixa Ipanema (qualquer modelo). A largura da faixa de deposição dependerá da altura do vôo, geralmente 15 m. Altura de vôo: 4 - 5 m do topo da cultura. Volume de calda: 30 a 40 litros por hectare. Bicos de pulverização: Utilizar bicos de jato cônico vazão da série D ou similar, com difusores em cone adequado a uma cobertura uniforme sem escoamento do produto de forma a obter uma deposição mínima sobre o alvo de 20 gotas/cm² com DVM 420-450 µ à pressão de 15-30 psi. Com aviões do tipo Ipanema (qualquer modelo) poderá ser utilizada barra de pulverização, com um total de 40-42 bicos. Os bicos da extremidade da asa em número de 4-5 em cada uma delas, deverão ser fechados a fim de evitar a influência e arraste das gotas de pulverização pelos vértices da ponta da asa. Os bicos da barriga em número de 8, deverão permanecer abertos e no mesmo ângulo dos bicos utilizados nas asas. Tamanho de gotas: 110-120 µm Densidade de gotas: mínimo de 20 gotas (DMV: 420-450 µ). Calcular a quantidade do produto de forma a manter a dose indicada por hectare.

Preparo da calda: Para melhor preparação da calda, deve-se abastecer o pulverizador com água limpa em até ¾ de sua capacidade. Paralelamente dissolver o conteúdo da embalagem do produto em cerca de 20 Litros de água e agitar de forma a obter uma calda homogênea. Ligar o agitador e adicionar o produto NATUCONTROL dissolvido, de acordo com a dose recomendada. Manter o agitador ligado, completar o volume de água do pulverizador e aplicar imediatamente na cultura.

INTERVALO DE SEGURANÇA: Intervalo de segurança não determinado devido a não determinação de LMR (Limite Máximo de Resíduos) para esse produto.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS: Aguardar pelo menos 4 horas para reentrada na lavoura ou após a secagem completa da calda. Caso necessite entrar antes desse período, utilize o equipamento de proteção individual (EPI) recomendados para o uso durante a aplicação.


LIMITAÇÕES DE USO: • Recomenda-se aplicar nas horas mais frescas do dia, preferencialmente no final da tarde ou a noite, em dias nublados ou com garoa bem fina. Nessas condições, a exposição dos conídios (esporos) do fungo a radiação UV é menor;

• Não é recomendada a aplicação do produto em solos secos ou em plantas submetidas a estresse hídrico;
• Não aplicar sob vento forte (acima de 10 km/h), contra o vento ou período de chuvas intenso e umidade relativa do ar abaixo de 60%;
• Não deixar o produto exposto ao sol ou sob temperaturas elevadas.
• O produto não é considerado fitotóxico às culturas, desde que atendidas as recomendações de uso indicadas na bula.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Sempre que houver disponibilidade de informações sobre programas de Manejo Integrado, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.

Não existem informações sobre o desenvolvimento de resistência ao Trichoderma harzianum.