China detecta Covid em frango brasileiro
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,702 (-2,12%)
| Dólar (compra) R$ 5,40 (0,44%)

Imagem: Pixabay

INTERNACIONAL

China detecta Covid em frango brasileiro

Em comunicado país asiático disse que encontrou o vírus na superfície de asas de frango
Por: -Eliza Maliszewski
2040 acessos

Em um comunicado emitido nesta quinta-feira (13) a cidade de Shenzen, localizada no sudeste da China, informou que encontrou amostras de coronavírus na superfície de asas de frango importadas de Santa Catarina. O produto teria vindo da Cooperativa Aurora Alimentos, localizada em Xaxim.

ATUALIZAÇÃO: Aurora se pronuncia sobre contaminação em frango

O governo local da cidade chinesa comunicou que assim que foi identificado o vírus no lote os produtos foram lacrados e orientou que os consumidores redobrem o cuidado no consumo de alimentos congelados vindos de importação.

A cooperativa responsável ainda não se manifestou oficialmente sobre o assunto mas confirmou que o lote identificado saiu da unidade e que está buscando mais informações sobre o caso.

Entidades se posicionam

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) disse que analisa a situação e ainda não há evidências de qual momento que se deu a contaminação e se foi na exportação. A entidade também reforça que desde o início da pandemia as unidades brasileiras têm tomado todos os cuidados sanitários com instalações e trabalhadores. Também reforçou que segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) não há evidências de que os alimentos possam transmitir a Covid-19.

Em nota a Associação Catarinense de Avicultura  (ACAV), representando o setor agroindustrial de produção de aves, ressaltou que "as autoridades brasileiras estão em contato com as autoridades chinesas na obtenção de informações precisas, reiterando, contudo, que o Brasil é um país de excelência na produção de proteína animal no mundo, seja pelo aspecto de sanidade, seja pela segurança dos processos produtivos, auditados reiteradamente por mais de 150 países para os quais o produto é exportado.

O processo produtivo brasileiro, reconhecido internacionalmente, sempre levou em consideração o respeito às pessoas, aos animais e ao uso intensivo de técnicas e tecnologias que levam excelência em qualidade e segurança do alimento colocando assim o Estado de Santa Catarina e o Brasil no topo da cadeia de produção e exportação de aves". 

A nota assinada pelo presidente da entidade, José Antônio Ribas Junior, destaca ainda que "o produto catarinense ao longo de mais de 40 anos de parceria e investimentos em pesquisa, sanidade e nutrição que envolvem o poder público e a iniciativa privada constantemente habilita o Estado de Santa Catarina em afirmar que o produto catarinense é seguro e de qualidade".


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink