Exportações de carne de frango sobem 15%

COMÉRCIO

Exportações de carne de frango sobem 15% 

China foi o principal comprador
Por: -Leonardo Gottems
135 acessos

As exportações brasileiras de carne de frango aumentaram cerca de 15% no mês de janeiro de 2020, quando comparado com o mesmo volume vendido no primeiro mês do ano anterior, segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). De acordo com a entidade, a maior parte dos embarques foi direcionada para a China, que sofreu com a peste suína africana (PSA) dizimando o seu rebanho de porcos. 

Nesse cenário, as exportações brasileiras de carne de frango somaram 323,8 mil toneladas em janeiro e a receita com os embarques aumentou 16,5% na comparação anual, para US$ 529,1 milhões. “O mercado internacional segue pressionado, o que se reflete em preços maiores em relação ao registrado em 2019”, disse o presidente da ABPA, Francisco Turra, em nota. “O mix de produtos enviado para mercados com maior valor agregado como Japão, China e União Europeia também favoreceu o desempenho mensal”, completa. 

Levando em consideração os países compradores, a China elevou as importações de carne de frango em janeiro em 87%, para 62,7 mil toneladas e o Japão comprou 31,9 mil toneladas, 17% a mais que em janeiro do ano passado. Já a União Europeia importou 18,1 mil toneladas, alta de 22% ano a ano. 

“A variedade de mercados que encerraram o mês com fluxo em crescimento é um importante indicativo em um ano que acena para resultados positivos nas exportações de carne de aves”, disse o diretor executivo da ABPA, Ricardo Santin. A ABPA estimou em janeiro que as exportações brasileiras de carne de frango deverão aumentar entre 3% e 7% neste ano. Já a produção deverá ter um aumento de 4% a 5%. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink