OGM

Novas linhagens de feijão devem ser lançadas em 5 anos

Pesquisas em melhoramento continuam na Embrapa
Por: -Leonardo Gottems
521 acessos

De acordo com o chefe-geral da Embrapa Arroz e Feijão, Alcido Elenor Wander, novas linhagens de feijão geneticamente modificados (OGM) deverão estar prontas para o lançamento no Brasil em cerca de cinco anos. Wander, que é Doutor em Economia Agrícola, conversou com o Portal Agrolink para explicar os motivos que levaram a unidade da Embrapa, sediada em Santo Antônio de Goiás (GO), a postergar o lançamento do feijão transgênico que combateria o mosaico dourado. 

(Saiba mais AQUI: Embrapa adia lançamento de feijão transgênico)

Perguntamos ao especialista quais seriam os planos daqui para frente com relação ao lançamento desse feijão transgênico. De acordo com Alcido Elenor Wander, as pesquisas em melhoramento continuam. “O evento Embrapa 5.1 está sendo incorporado em novas linhagens, que apresentam um bom nível de resistência genética ao Carlavirus. Considerando o conjunto de experimentos requeridos segundo as normas brasileiras, estas novas linhagens devem estar prontas para um eventual lançamento em aproximadamente cinco (05) anos”, explica.

Questionado sobre que outras soluções estão sendo buscadas para os problemas de doenças no feijão, o chefe-geral da Embrapa Arroz e Feijão comenta que, para o mosaico dourado, o evento de transgenia Embrapa 5.1 (= tecnologia RMD (resistência ao mosaico dourado)) é atualmente a forma mais efetiva de resolver o problema. Isso porque, segundo ele, no germoplasma nacional não foi encontrada resistência genética a esse vírus. 

“Para as demais viroses e outros problemas fitossanitários busca-se, por meio de melhoramento convencional, obter níveis de resistência que permitam ao produtor colher com segurança a sua produção”, conclui.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink