OVOS/CEPEA: baixa demanda e forte calor reduzem liquidez

Ovos

OVOS/CEPEA: baixa demanda e forte calor reduzem liquidez

Comercialização de ovos diminuiu neste final de janeiro
Por:
87 acessos

A comercialização de ovos diminuiu neste final de janeiro. De acordo com agentes consultados pelo Cepea, além da menor demanda, devido às férias escolares e aos gastos extras das famílias neste período do ano, as temperaturas elevadas também têm limitado os negócios, uma vez que aumenta a disponibilidade de ovos menores, que costumam ser menos procurados.

Apesar de a menor liquidez ser comum no início do ano, a média parcial de janeiro (até o dia 24), de R$ 54,40/cx para os ovos brancos negociados em Bastos (SP), é a menor para o mês desde 2015, quando foi de R$ 46,89/cx, em termos nominais.

Segundo colaboradores do Cepea, a lentidão na recuperação dos preços dos ovos é reflexo das dificuldades enfrentadas pelo setor no segundo semestre de 2018, quando as desvalorizações foram muito acentuadas. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink