Soja volta a subir: CONFIRA
CI
Imagem: Expodireto Cotrijal
COTAÇÕES

Soja volta a subir: CONFIRA

Altas de 1-2 reais/saca não entusiasmam os vendedores do Paraná
Por: -Leonardo Gottems

No estado do Rio Grande do Sul, os preços sobem de 3-5 reais/saca e 30 mil toneladas foram negociadas, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Dia de alinhamento de altas em CBOT e no câmbio, impulsionaram os preços da soja no RS. De fato, as altas de ontem foram uma sinalização de recuperação, diante de uma situação bastante clara de valorização para o dólar e agora com a recuperação dos grãos em Chicago, níveis de preços retornam aos pontos de interesse do produtor. Com isso, cerca de 30.000 toneladas foram negociadas nesta terça-feira”, comenta.

O interior teve, começando por Ijuí, “altas expressivas registradas, marcando ganho de R$ 5,00/saca, levando os preços a R$ 193,00. Cruz Alta subiu em R$ 4,00/saca e foi a R$ 194,00. Passo fundo subiu menos ao marcar ganho de R$ 3,00/saca e ir a R$ 193,00. Santa Rosa, por fim, marcou alta de R$ 3,00/saca, indo a R$ 193,00”, completa.

Santa Catarina teve alta de R$ 4,00/saca nesta terça-feira. “De forma semelhante ao que foi visto no RS, Santa Catarina volta a marcar recuperações, com o dólar e o câmbio trabalhando juntos pelo segundo dia consecutivo, as diferenças ocasionadas são o suficiente para trazer vida ao mercado. O preço no porto de São Francisco do Sul foi a R$ 198,00 hoje, diferença considerável de R$ 4,00/saca, negócios foram efetuados nestes pontos, estima-se que aproximadamente 5.000 toneladas foram vendidas”, indica.

Altas de 1-2 reais/saca não entusiasmam os vendedores do Paraná. “Preços no Paraná passam por valorizações nesta terça- feira, embora de forma muito mais amena do que as demais regiões do sul, valorizações como essa trazem bons ares para o cuidadoso produtor paranaense. A positividade vista na maioria das posições se deve especialmente às valorizações de Chicago que foram consideráveis no dia de hoje e se somaram a expressiva melhora do dólar. As cotações de soja foram: grão a +2,25%, farelo a +3,19% e óleo a +1,52%. O dólar, por sua vez, se valorizou em 0,60%, indo a R$ 5,2660”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.