Antracnose (Colletotrichum pisi)
CI

Antracnose

(Colletotrichum pisi)

Culturas Afetadas: Ervilha

Colletotrichum pisi Pat. é um fungo, que é o agente causador da antracnose na ervilha. Esta doença afeta todas as partes da planta.

Sintomas - As lesões são frequentes nos pecíolos, página inferior e nervuras das folhas. São alongadas, angulares, avermelhadas a púrpura, tornando-se castanho escuras a púrpura. Nas vagens as lesões são de castanho claro a cor de ferrugem, evoluindo em cancros em depressão delimitados por anéis negros e com uma auréola castanho avermelhada. Os grãos infectados podem apresentar cancros castanhos escuros a negros. 
 
Controle - Tratar quando se observarem sintomas da doença e quando se  verificarem condições favoráveis para a infecção, como temperaturas entre15 ºC e 20 ºC (temperatura ótima de cerca de 17 ºC) e Umidade Relativa do Ar superior a 90%.

O controle cultural envolve:

a) Destruir os resíduos da cultura anterior;

b) escolher parcelas bem drenadas;

c) utilizar sementes sãs e tratadas;

d) realizar rotações culturais.