A importância do solo na agricultura

Imagem: Pixabay

ESPECIAL

A importância do solo na agricultura

Conservar a microbiologia e adotar boas práticas faz toda a diferença em produtividade
Por: -Eliza Maliszewski
3986 acessos

Na safra 19/20 o Brasil plantou mais de 65 milhões de hectares de grãos e fibras, sendo 36 milhões somente com soja; o país tem mais de 8 milhões de cana-de-açúcar; quase dois milhões com café; fora as áreas com hortaliças, frutas e outras culturas. Esse montante aí demanda especial atenção a um elemento: o solo.

O solo é um recurso natural renovável e conserva uma vida rica. Dele vem todos os nutrientes que as plantas precisam para crescer, desenvolver e atingir a produtividade desejada. Por isso, o agricultor precisa conhecer os solos de sua lavoura.

VEJA: como o pó de rocha melhora o solo

VEJA: os benefícios do Sistema de Plantio Direto

De acordo com a Embrapa fazer análise, evitar a monocultura fazendo rotação, cobertura permanente, uso de plantas com raízes profundas como as braquiárias ou a aveia-preta para melhorar a estrutura em plantio direto, mínima mobilização e respeitar as características de cada região são algumas das chaves para o bom resultado.

Confira na entrevista em vídeo como preservar as melhores condições do solo e as tecnologias que têm auxiliado na fertilidade:


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink