Como está o mercado do milho no Brasil?

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia nossos Termos de Uso e Termos de Privacidade. Ao clicar em Aceitar & Fechar, você consente com a utilização de cookies.


CI
Imagem: Eliza Maliszewski
COTAÇÕES

Como está o mercado do milho no Brasil?

No Paraná foram registrados pequenos  negócios  FOB a R$  101,00
Por: -Leonardo Gottems

Em seu Informe Conjuntural, a Emater do Rio Grande do Sul aponta que a colheita de milho está  em linha com as projeções do ano passado, apresentando 80% de conclusão, ante 79% da safra anterior. “As regiões mais avançadas do Estado são Passo Fundo (96%), Erechim (90%) e Santa Rosa (85%), sendo que as demais  regiões  estão  próximas  a  70%,  como  Porto Alegre  (70%)  e  Soledade  (67%)’, comenta a consultoria. 

Já Santa Catarina tem negócios a R$ 101,00 + ICMS em Xanxerê e ofertas da Argentina a R$ 98,70. “Um dia de negócios lento também para o estado de Santa Catarina, onde se viu, mais uma vez, a escassez de lotes no  mercado.  Não  é  surpresa,  já  que  os  estados  do Paraná e  Mato Grosso do Sul apresentam  negociações FOB  atraentes  para  os  produtores,  que  pela  paridade, absorvem  o  risco  do  frete.  As  exceções,  na  visão  de nossos  correspondentes,  foram  lotes  do  estado  do Mato Grosso (MT); mas mesmo estes não chegavam ao Estado a menos de R$ 103,00 mais ICMS a saca”, completa. 

No Paraná foram registrados pequenos  negócios  FOB  a  R$  101,00  e  R$  104,00, enquanto uma  frente  fria  avança, mas  não  representa chuvas. “Vários  negócios  em  lotes  pequenos  foram  realizados hoje  no  Estado,  e  de  forma  geral,  Campos  Gerais, Sudoeste e Oeste realizaram comercializações entre R$ 100,00 a R$ 102,00 CIF, enquanto que o Norte avançou para  R$  104,00  a  saca.  Neste  último,  ao  menos  2  mil toneladas foram realizadas com destino à fábricas da própria região. Ademais, permanece a indicação de R$ 97,00 no  maio  em  fábricas  dos  Campos  Gerais  e  safrinha  em  preços  de  R$  R$  80,00  no  agosto  até  R$  81,50  no dezembro, no porto”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink