Confira o mercado brasileiro de milho
CI
Imagem: Marcel Oliveira
PREÇOS

Confira o mercado brasileiro de milho

O cenário altista faz com que produtores do Paraná peçam acima dos R$ 100,00/sc
Por: -Leonardo Gottems

No estado do Rio Grande do Sul os negócios estão em marcha lenta, com os produtores entre os últimos lotes, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Na região de Passo Fundo, vendedores pedindo entre R$ 102,00 e R$ 105,00/saca para entrega imediata, onde não foram vistas indicações. Marau permanece indicando R$ 100,00 por saca, apesar de rumores de negócios de até R$ 105,00. Em Ijuí, novamente vendedores buscando por R$ 102,00. Não ouvimos reportes de negócios”, comenta. 

Santa Catarina tem previsão de boa chuva para o litoral e os preços de milho importado no meio-oeste sobem. “Em conversa com nossos correspondentes, apuramos uma ligeira alta nos preços do milho importado, ao menos para aqueles com destino ao meio-oeste. Segundo os mesmos, as primeiras importações do Paraguai, as primeiras importações vieram a uma faixa entre US$ 280 a 292 a tonelada CIF, o que significava cerca de R$ 87,37 a 91,10 a saca. As últimas ofertas, no entanto, alcançam os US$ 317 dólares, ou R$ 97,02 a saca”, completa. 

O cenário altista faz com que produtores do Paraná peçam acima dos R$ 100,00/sc. “Mesmo assim, é raro ouvirmos negócios, o que não foi diferente nesta quarta-feira. Sabe-se que as indústrias e tradings buscam lotes para a safrinha, mas os relatos de comercialização são escassos, com preços de exportação bastante defasados. Nas indicações, indústrias no oeste buscam milho a R$ 101,00; nos Campos Gerais, o preço é de R$ 103,00 por saca, e no norte, de R$ 102,00. Não ouvimos reportes de negócios”, indica. 

Já o estado de Goiás a maior parte de intenções de venda está a R$ 95,00. “Os lotes encontravam-se à disposição de compradores no Goiás a partir de R$ 95,00/saca em sua maioria intencionando condições de pagamento a curto prazo. Ao leste de Rio Verde, vários negócios foram vistos entre R$ 93,00 a R$ 95,00, a depender do vencimento. Ademais, mercado lento no restante do Estado, e indústrias em Itumbiara indicando R$ 72,00 para milho em março de 2022”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.