Milho segue inalterado no mercado internacional
CI
Imagem: Divulgação
NEGÓCIOS NO MUNDO

Milho segue inalterado no mercado internacional 

No Mar Negro, o antigo mercado de safras da Ucrânia permaneceu silencioso
Por: -Leonardo Gottems

Os preços do milho no mercado internacional estão mantendo o mesmo panorama do dia anterior, de inalterados a mais fracos, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. Nos mercados asiáticos, os futuros de milho na bolsa chinesa de Dalian diminuíram ligeiramente para CNY2.563/t (396,91/t) para setembro, enquanto o contrato de novembro perdeu CNY1/t e foi registrado em CNY2.555/t (395,67/t). 

“As ofertas do mercado de milho do porto do sul do Vietnã foram registradas em 302/t para carregamento em agosto, equivalente a um prêmio de 217 centavos sobre o contrato futuro de setembro, e a US$ 312,3/t para setembro, ou um prêmio de 243 centavos. As ofertas de embarque de outubro estavam em US$ 315,3/t  ou  251  centavos  em  relação  ao  contrato  de dezembro entregue aos portos do norte do país”, comenta. 

No Mar Negro, o antigo mercado de safras da Ucrânia permaneceu silencioso. “Para a nova safra, as ofertas de milho foram ouvidas com um prêmio de 100 centavos em relação ao contrato de dezembro, enquanto as ofertas foram cerca de 15 centavos mais baixas. Fontes  comerciais relataram que  as  ofertas  de  milho com  documentação  da  China  pareciam  90-100 centavos  acima,  com  fontes  dizendo  que  as investigações  de  preço  estavam  sendo  feitas  para possível  carregamento  em  outubro,  novembro  e dezembro”, completa. 

“As  ofertas  de  milho  nova  safra  da  Romênia  subiram ligeiramente para €  216- € 217/t FOB CVB, enquanto as  ofertas  subiram  para  €  211-  €  212/t  FOB  para carregamento em novembro e dezembro. Finalmente, o mercado sul-americano continuou a ser dominado pelos  problemas do  rio da  Argentina, com dados  de  linha  mostrando  que  até  3,4  milhões  de toneladas  ainda  devem  ser  carregados  no  próximo mês”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.