Mercado do trigo segue lento no Sul
CI
Imagem: Paulo kurtz/ Embrapa
VALORES

Mercado do trigo segue lento no Sul

No Paraná, o retorno das chuvas anima, mas as possibilidades de geada não
Por: -Leonardo Gottems

No estado do Rio Grande do Sul o mercado do trigo segue lento, de acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica. “As indicações de moinhos para trigo gaúcho caíram para R$ 1.550,00 até 1.580,00 interiores do estado. Vendedores cederam para alguns lotes, a até R$ 1.580,00, mas o volume de negócios não foi significativo. Em trigos argentinos, ofertas colocadas dentro do Estado próximas a 305 dólares, o que dependendo da localidade, pode variar entre R$ 1.620,00 a R$ 1.690,00 a tonelada”, comenta. 

Em Santa Catarina, a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Epagri) vê preço médio aumentar em cerca de 75% ao produtor em relação à temporada passada. “Em seu boletim, a Epagri afirma que o trigo aumentou em cerca de 75% em relação aos preços pagos ao produtor, se comparado à temporada passada. O órgão ainda avalia que na comparação entre março e abril deste ano, o aumento foi de 7,23%. Apesar da baixa demanda de moinhos vistos nas últimas semanas, o trigo continua valorizado em todo o estado”, completa. 

No Paraná, o retorno das chuvas anima, mas as possibilidades de geada não. “Os movimentos de negócios no Paraná não apresentaram uma situação diferente de ontem, e foram poucos os produtores que dispuseram seus lotes no mercado. Mesmo assim, houve quem cedesse, e pequenos volumes foram vistos. Pequenos negócios foram vistos na região de Maringá, em cerca de 400 toneladas a R$ 1680,00 no FOB, e no norte, 500 toneladas novamente foram negociadas a R$ 1660,00. Nos Campos Gerais, houve negócios em cerca de 1.000 toneladas, em valores de R$ 1.650,00 CIF moinho”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.