Nova alta forte do milho na B3
CI
Imagem: Marcel Oliveira
VALORES

Nova alta forte do milho na B3

Os fatores limitantes que estão no horizonte são a isenção tarifária para importações
Por: -Leonardo Gottems

O mercado de milho na B3 de São Paulo voltou a fechar em forte alta, nesta segunda-feira, de acordo com informações da TF Agroeconômica. “As cotações continuam seguindo a alta significativa das cotações de Chicago, diante das preocupações com o clima, tanto nos EUA, como no Brasil, acrescidos, nesta segunda-feira, com a Argentina e a forte demanda mundial. Todos os próximos 12 meses fecharam acima de R$ 100,00/saca”, comenta. 

“Com isto, a cotação de maio fechou em alta de R$ 2,22 no  dia  a  R$  106,22,  com  máxima  de  R$106,44;  a  de julho  avançou  R$  3,03  no  dia  para  R$  105,07  e  a  de setembro avançou R$ 3,77 no dia para R$ 101,05. O fechamento de todas as cotações da B3 para os próximos 12 meses acima dos R$ 100,00 é forte indicador de que o mercado espera a continuidade da escassez de ofertas, com os vários problemas climáticos no Brasil e nos EUA e de que os preços poderão subir ainda mais, como temos disto neste espaço”, completa. 

Os fatores limitantes que estão no horizonte são a isenção tarifária para importações de milho e a forte elevação dos custos para os consumidores finais no Brasil, como produtores de leite e ovos. “A queda do dólar favorece as importações de milho da Argentina e do Paraguai. Por isso, há que se prosseguir com cautela, tanto nas operações especulativas do mercado futuro, na B3, quanto ao segurar as vendas no mercado físico, onde os lucros já são muito grandes e deve-se pesar se vale a pena arriscar mais ou garanti-los", indica. 

Em Chicago, o mercado renovou as preocupações do lado da oferta globalmente. As condições de seca no Brasil afetariam a produção de segunda safra. Enquanto isso, as baixas temperaturas nos EUA propõem uma perspectiva adversa no início da campanha. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink