Rumores indicam soja brasileira indo para os EUA

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia nossos Termos de Uso e Termos de Privacidade. Ao clicar em Aceitar & Fechar, você consente com a utilização de cookies.


CI
Imagem: Divulgação
NEGÓCIOS

Rumores indicam soja brasileira indo para os EUA

Na Argentina, a safra de   soja está 32,9% concluída
Por: -Leonardo Gottems

Os rumores continuaram a girar sobre mais cargas de soja sendo importadas do Brasil para os EUA, sustentando as preocupações sobre a situação do abastecimento doméstico, de acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica. “O suporte para a recuperação nos futuros da soja veio desses fundamentos, junto com os futuros do óleo de soja e do Brent em alta, que subiram 4,5% nas últimas três sessões para $ 68,56 / bbl no momento da publicação, o nível mais alto desde 16 de março”, comenta. 

“Apesar da  melhoria  das condições climáticas para o  desenvolvimento  da  safra dos  EUA  nas  próximas  semanas, os fundamentos continuam a indicar um mercado apertado para o milho em destaque e ajudando a sustentar os preços do soja, já que a safra brasileira continua ameaçada pelas condições de seca. Os  comentários  do  escritório  regional  do  USDA  na  China  sobre  o impacto  da  peste  suína  africana  no  rebanho  de suínos do país não foram suficientes para compensar a recuperação dos preços”, completa. 

Na  Argentina,  a  safra  de  soja  está  32,9%  concluída,  alta  de  14,4  pontos  percentuais  na  semana  porque  o  clima permitiu que as obras ganhassem ritmo, mas permanece 35,3% menor no ano, informou a Bolsa de Cereais de Buenos Aires (BCBA) nesta quinta-feira. “Na origem, a base do Brasil estava mais firme na sexta-feira após dias de extrema volatilidade e subiu de mínimos alcançados  no  início  da  sessão  de  quinta-feira,  com  os  futuros  continuando  a  ser  negociados  abaixo  dos  picos registrados na segunda e terça-feira em Chicago. Uma forte desvalorização do real brasileiro em relação ao dólar norte-americano durante a sessão também contribuiu para o aumento dos prêmios brasileiros”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink