Soja volta a registrar queda no Rio Grande do Sul
CI
Imagem: Divulgação
COTAÇÕES

Soja volta a registrar queda no Rio Grande do Sul

No Paraná, o vendedor sai do mercado com a queda de Chicago
Por: -Leonardo Gottems

Os prêmios de soja caíram muito logo no começo do dia de ontem, de acordo com informações da TF Agroeconômica neste início de dia. “No entanto, a CBOT caiu também e nesse clima desvalorização as vendas ficaram bastante retraídas, com raríssimos negócios sendo reportados. O vendedor espera que os preços subam e portanto não irá vender por enquanto. Os futuros para o começo de junho ficaram a R$185,00 no porto e a R$187,00 para o final de junho”, comenta. 

Em Santa Catarina, a soja foi registrada na faixa de R$183,00. “Outro dia parado para a soja catarinense, os preços sofreram uma leve queda de 50 centavos devido a variação da bolsa de Chicago e nenhum negócio  foi  reportado, a  preocupação  está  visivelmente no  milho que neste  momento alcança os preços mais altos já vistos. A colheita de soja na região está basicamente finalizada, com apenas algumas lavouras aleatórias sem término, mas já se pode considerar que acabou na maior parte do Estado”, completa. 

No Paraná, o vendedor sai do mercado com a queda de Chicago. “Na abertura do  dia  até  existiram  raras  pedidas,  com  cerca  de  2.000 toneladas  saindo  a  R$185,00  no  porto  e  mais  1.000 toneladas saindo a R$178,00 no interior, mas assim que a CBOT começou a variar o movimento acabou  por inteiro, como  as  cotações  noturnas  estiveram  mais  altas,  as pedidas  para  hoje  foram  maiores  do  que  o  que  o comprador estava disposto a pagar”, indica. 

No Mato Grosso do Sul, os preços mantiveram a alta do dia anterior, mas sem negócios reportados. “O dia começou e terminou como o anterior: a bolsa caiu 21 pontos e isso espantou os vendedores.  Não houve nenhum interesse de venda, ninguém queria vender  por menos  do  que no  dia  anterior  e,  portanto, nenhum negócio de qualquer grão foi feito”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink