Tripes (Liothrips adisi)
CI

Tripes

(Liothrips adisi)

Culturas Afetadas: Guaraná

Liothrips adisi foi relatado no Brasil pela primeira vez no ano de 1976. Esta espécie tem sido observada somente em plantas de guaranazeiro.

Danos:

Danos diretos: Os tripes, ao se alimentarem, formam numerosas e pequenas pontuações de onde sugam a seiva. Ataques severos provocam mudanças morfofisiológicas nos locais atacados, especialmente nas folhas, na qual o processo de evaporação é acelerado em função dos danos causados na sua superfície, principalmente se expostas a altas temperaturas. Os adultos e indivíduos imaturos apresentam comportamento alimentar semelhante. 

Danos indiretos: Os tripes transmitem quatro diferentes grupos de vírus (Ilarvirus, Sobemovirus, Carmovirus e Tospovirus). Além disto, estão relacionados à enfermidade denominada de superbrotamento, cujo agente causal é o fungo Fusarium decemcellulare, que provoca a inibição do florescimento e da produção.

Controle: Recomenda-se o uso de produtos registrados para a cultura.

Fotos

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.