Mancha circular (Cercospora kaki)
CI

Mancha circular

Cercosporiose (Cercospora kaki)

Culturas Afetadas: Caju, Caqui

Esta doença é de grande importância pelos prejuízos causados pela queda precoce das folhas e o amadurecimento prematuro dos frutos. A marcha-circular é considerada doença foliar mais importante na Austrália, Brasil, Estados Unidos e Japão. Essa doença encontra distribuída em todas as regiões onde se produz caqui, existindo registros na África do Sul, China, Estados Unidos, Índia e Taiwan. No Brasil, está registrada apenas no estado de São Paulo, mas acreditasse que esteja presente nas outras regiões do país onde a fruta é produzida.

Cercospora kaki é um patógeno específico do caquizeiro.

Danos: O sintoma típico da doença são manchas angulares em ambas as fases das folhas. Os sintomas apresentam-se em ambas as fases das folhas, principalmente na fase inferior, como manchas marrom-avermelhadas, com bordos pretos e bem definidos, delimitadas pelas nervuras da folha, que lhe dão o aspecto angular. O avanço dos sintomas provoca a queda precoce das folhas, enfraquecimento da planta e o adiantamento da maturação dos frutos.

Controle: As variedades Taubaté e Trakoukaki são consideradas resistentes, enquanto que a Giombo e Rama-Forte são moderadamente suscetíveis, e a variedade Fuyu é muito suscetível a C. kaki.A retirada e destruição pelo fogo das folhas infectadas caídas embaixo das plantas, poderia contribuir para a diminuição da pressão de inóculo dentro do pomar. Realizar aplicação de calda fungicidas no tratamento de inverno. Após o início da frutificação fazer 3-4 pulverizações.