O conteúdo solicitado não foi encontrado

Mancha de stemphylium

Mancha das folhas (Stemphylium solani)

Culturas Afetadas: Berinjela, Pimentão, Tomate

O fungo Stemphylium solani causa a chamada mancha de Stemphylium em diversas solanáceas, como o tomate, a berinjela, o jiló e o pimentão. As perdas causadas por este patógeno são resultantes da perda de área foliar e destruição das folhas do ponteiro, o que implica na redução de produtividade. Esta doença, apesar de ser bastante destrutiva, possui importância secundária pelo fato de as variedades e híbridos cultivados serem resistentes.

Danos: Essa doença ocorre em todos os estágios de desenvolvimento da planta, porém verifica-se que o ataque é mais intenso nas folhas do ponteiro na época da colheita. As folhas mais novas apresentam pequenas pintas encharcadas, de coloração marrom a preta. Com a evolução da doença, essas pintas tornam-se necróticas, irregulares, com coloração cinza-escura. Em folhas mais velhas, essas lesões coalescem, matando grandes áreas dos folíolos.

Controle: O uso de variedades resistentes é a medida de controle mais eficiente.Para o plantio deve-se utilizar sementes e mudas sadias, eliminar plantas voluntárias e daninhas hospedeiras, evitar locais úmidos, sombreados e sujeitos formação de orvalho e solos mal drenados, usar espaçamento que propicie uma boa aeração.

A irrigação deve ser manejada de modo a não permitir excesso de água com o acúmulo sobre as folhas. A realização de rotação de cultura com plantas não hospedeiras é recomendada.

No caso do cultivo de variedades susceptíveis, o emprego de fungicidas protetores e sistêmicos é recomendado. Usar produtos registrados para as culturas.

Deslize o dedo na tabela abaixo para movê-la horizontalmente
Mostrando 1 até 12 de 20