Bula Fusão

acessos
Tebuconazole + Metominostrobin
5717
Iharabras

Composição

Metominostrobin 110 g/L Estrobilurina
Tebuconazole 165 g/L Triazol

Classificação

Fungicida
I - Extremamente tóxica
II - Produto muito perigoso
Não inflamável
Não corrosivo
Concentrado Emulsionável (EC)
Sistêmico
Arroz irrigado Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Brusone
(Pyricularia grisea)
580 a 725 mL p.c./ha 200 L de calda/ha 20 a 30 L de calda/ha (aéreo) Realizar no máximo duas aplicações com intervalo de 14 dias. 35 dias Aplicar no estádio fenológico do emborrachamento
Soja Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Ferrugem asiática
(Phakopsora pachyrhizi)
580 a 725 mL p.c./ha 150 a 200 L de calda/ha 20 a 30 L de calda/ha (aéreo) Realizar no máximo duas aplicações com intervalo de 20 dias. 30 dias Aplicar nos estádios fenológicos R1 e R2
Trigo Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Mancha amarela
(Drechslera tritici-repentis)
580 a 725 mL p.c./ha 200 L de calda/ha 20 a 30 L de calda/ha (aéreo) Realizar no máximo duas aplicações com intervalo de 14 dias. 35 dias Aplicar no estádio fenológico do emborrachamento

Modo de aplicação:
As aplicações podem ser realizadas via terrestre ou aérea.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Sempre que houver disponibilidade de informações sobre programas de Manejo Integrado, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.

O uso continuado de fungicidas com o mesmo mecanismo de ação pode contribuir para o aumento da resistência a produtos com este mecanismo de ação. Como prática de manejo de resistência de doenças fúngicas, deverão ser aplicados, alternadamente, fungicidas com diferentes mecanismos de ação. Os fungicidas deverão estar registrados para a cultura. Não havendo produtos alternativos, recomenda-se a rotação de culturas que possibilite o uso de fungicidas com diferentes mecanismos de ação. Para maiores esclarecimentos consulte um Engenheiro Agrônomo.